Acompanhe-nos
Você está aqui: Página Inicial Imprensa Releases Hackers invadem Brasília

Hackers invadem Brasília

O Transparência Hacker estará em Brasília, de 13 a 15 de agosto, para participar do VI Congresso Internacional Software Livre e Governo Eletrônico. No evento, o grupo promove um grande encontro para criar soluções tecnológicas que ajudem o cidadão a fiscalizar o governo
02/08/2013 17:55

Longe do estereótipo de pessoas mal-intencionadas que roubam informações privadas, a comunidade Transparência Hacker atua por causas nobres: mais transparência no governo e acesso a informações públicas. De 13 a 15 de agosto, esses hackers vão invadir a capital do país para realizar diferentes atividades no VI Congresso Internacional de Software Livre e Governo Eletrônico (Consegi), evento gratuito realizado pelo Serviço Federal de Processamento de Dados (Serpro).

Um dos momentos mais esperados é o HackDay, onde hackativistas e participantes do congresso reúnem-se para desenvolver programas e aplicativos, a partir de dados disponibilizados pelo governo, que ajudem o cidadão na hora de fiscalizar o poder público. Em edição anterior do Consegi eles criaram, por exemplo, o projeto Otoridades ? você sabe com quem está falando?, um site para que fossem denunciados abusos protagonizados por autoridades das três esferas do poder. A proposta do Transparência Hacker - comunidade formada por desenvolvedores web, jornalistas, designers, gestores públicos e indivíduos de todo o país - é transformar a imensa quantidade de dados governamentais abertos em soluções tecnológicas que contribuam de fato para a vida das pessoas, gerem empreendedorismo, transparência e mais participação política.

Durante o Consegi 2013, o grupo promove ainda a oficina Tecnologia é mato, que ensina a fazer extração de dados públicos para facilitar o acesso à informação. Tem ainda a oficina Jornalismo e visualização de dados, onde serão apresentados casos de utilização, no Brasil e no mundo, de dados abertos para auxiliar no processo de transparência, controle e participação social. A oficina de Rádio Livre também promete movimentar o congresso. Nela os integrantes aprenderão a construir uma rádio, que será mantida no ar durante o evento para a produção de uma grade de programação colaborativa. As oficinas serão realizadas no Ônibus Hacker, um laboratório sobre quatro rodas. Para participar, basta fazer a inscrição gratuita no congresso pelo consegi.gov.br.

Com o tema Portabilidade, Colaboração e Integração, o Consegi 2013 oferece oficinas, palestras e eventos paralelos para todos os tipos de público. A ideia do evento é convocar governo, movimentos sociais, hackativistas, pesquisadores e estudantes para dialogar sobre as tecnologias que facilitam o acesso a serviços públicos e promovem a cidadania participativa.

O Consegi conta com o patrocínio do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), da Itaipu Binacional, da Caixa Econômica Federal (CEF), da Empresa de Tecnologia e Informações da Previdência Social (Dataprev), da Petrobras, além do apoio do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG), do Ministério das Relações Exteriores (MRE), da Secretaria-Geral da Presidência da República, do Governo do Distrito Federal (GDF), da Escola de Administração Fazendária (Esaf), da Fundação Alexandre Gusmão (Funag), do Jardim Botânico de Brasília e da World Intellectual Property Organization (Wipo).

Fonte para entrevista:
Diretor-presidente do Serpro, Marcos Mazoni


CONSEGI 2013
Data: 13 a 15 de agosto
Local: Escola de Administração Fazendária (Esaf)
Km 04, Estrada Brasília/Unaí
Lago Sul, Brasília/DF

Inscrições gratuitas
www.consegi.gov.br/

Informações para imprensa:
Vanessa Borges (61) 2021-8331/9396-1945

Ações do documento
  • Google +
  • Linkedin